VELOCIDADE CONTROLADA

radarprf

Radar binóculo é a nova arma da PRF contra motoristas que excedem a velocidade na rodovia Fernão Dias

radarprf

 

Desde o último final de semana, a Polícia Rodoviária Federal começou a contar com uma nova arma para inibir motoristas em excesso de velocidade na Rodovia Fernão Dias, que corta grande parte do Sul de Minas. O radar binóculo é capaz de flagrar veículos que estejam acima da velocidade permitida a uma distância de até um quilômetro.

O equipamento é fabricado nos Estados Unidos, pesa apenas 200 gramas e custa cerca de R$ 30 mil. O aparelho adquirido com a ajuda do poder judiciário de Pouso Alegre é o primeiro a ser utilizado no Brasil.

COMO FUNCIONA

O radar binóculo conta com um sistema a laser capaz de identificar a velocidade de qualquer veículo. Segundo o inspetor da PRF de Pouso Alegre, Emerson João Soares, no último feriado prolongado, em meia hora de uso na Fernão Dias, 20 motoristas foram flagrados acima da velocidade permitida, que é de 110 quilômetros.
“A maioria dos acidentes são causados por imprudência dos motoristas e o excesso de velocidade é uma das causas. A Fernão Dias é um exemplo disso então nossa melhor arma é o radar”, aifrma o inspetor.
A multa por excesso de velocidade varia de R$ 120 a R$ 540, além de cinco ou sete pontos na CNH, dependendo da gravidade da infração. Vale lembrar que a velocidade máxima permitida na rodovia Fernão Dias varia de acordo com cada trecho. Em muitos casos, a máxima aceitável é de 110 km/h.


Campanha Papai Noel dos Correios é lançada em PA

papainoelcorreios

 

papainoelcorreios

As cartinhas da campanha Papai Noel dos Correios estarão disponíveis em Pouso Alegre a partir das 10h desta quarta-feira (20), no “Cantinho do Papai Noel” – que fica na agência central da cidade (Rua Adolfo Olinto, 281 – Centro) que funciona de segunda a sexta, das 9h às 17h e, aos sábados, das 9h às 12hs. A chegada do Papai Noel será festejada no mesmo dia (20), também às 10h, no mesmo local, após carreata pelas principais ruas do centro da cidade.
O lançamento nacional da campanha aconteceu no dia 5/11, em Belo Horizonte, com a presença do presidente dos Correios, Wagner Pinheiro. No interior do Estado, as datas de lançamento podem variar, dependendo das particularidades de cada região.

A campanha
Realizada há 24 anos, a campanha tem como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Nos últimos três anos, em todo o País, foram recebidos 3,4 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios. Desse total, 2 milhões atendiam aos critérios da campanha e quase 75% foram adotadas, o que equivale a 1,5 milhão de cartas.
A representatividade mineira no Papai Noel dos Correios sempre foi destaque, já que a média de adoção de cartinhas no Estado ultrapassa 90%. Em 2012, por exemplo, adotamos 94% das 117 mil cartinhas recebidas – o que representou ao mesmo tempo o maior número de pedidos recebidos e atendidos no país.
Desde 2010, os Correios estabeleceram parcerias com escolas públicas, creches e abrigos que atendem crianças em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é trabalhar ações como desenvolver a habilidade da redação de carta, endereçar e usar corretamente o CEP.

Padrinhos
Disseminar o encantamento natalino por meio da campanha só é possível com a ajuda dos mais de 120 mil empregados dos Correios e da sociedade brasileira, que podem participar atuando como padrinhos. Os padrinhos são aqueles que adotam as cartinhas, providenciando os presentes solicitados pelas crianças.

Como funciona
A adoção de cartas da campanha é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas para adoção no cantinho do Papai Noel. Os Correios não entregam cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados pela empresa.
Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos nos pontos divulgados pelos Correios para que posteriormente a entrega seja feita pela ECT. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho.
Demais informações oficiais sobre o Papai Noel dos Correios podem ser obtidas na página http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2013 ou pelos telefones 3003 0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades)


ALERTA NO PRESÍDIO

ARQUIVO

 

ARQUIVO

Prédio inaugurado há 4 anos, para atender 300 detentos, já tem quase 600 encarcerados

Na semana em que o Governo do Estado anunciou a construção de cinco novas unidades prisionais e um centro socioeducativo para a região no ano de 2014, o Presídio de Pouso Alegre completou 4 anos de atividades, com a necessidade de ampliações e melhorias. O presídio foi inaugurado em 12 de novembro de 2009, com capacidade para abrigar 300 detentos e já está superlotado. Levantamento exclusivo feito pelo Jornal Diário, aponta uma população carcerária de aproximadamente 600 detentos (512 detentos homens e 70 mulheres). Desde que a Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi) assumiu a custódia dos presos esse número vem subindo.  No ano da desativação da antiga Cadeia Pública do centro da cidade eram 380 detidos em um prédio sucateado com espaço para 80 presos. Na época, o Governo do Estado investiu um valor de R$ 12,8 milhões na construção de uma nova unidade prisional. A superlotação é um problema muito preocupante, sobretudo em relação às mulheres e adolescentes, porque as cadeias da região não têm celas para eles.